Paranaenses poderão usar documentos digitais de trânsito ao visitar Argentina e Paraguai

O secretário nacional de Trânsito, Frederico Carneiro, disse no início desta semana, em encontro com representantes da Argentina e Paraguai, em Foz do Iguaçu, que os aplicativos de documentos digitais devem valer para brasileiros que vivem, trabalham ou fazem turismo em municípios da região de fronteira com esses dois países.

Desde a substituição dos documentos de veículos impressos em papel-moeda e a implantação do aplicativo Carteira Digital de Trânsito (CDT), no qual ficam armazenados os documentos de veículos e habilitação, muitas pessoas sentiram dificuldades em cruzar as fronteiras portando apenas os documentos em seus celulares.

Para sanar a questão, o secretário apresentou os aplicativos CDT e o Vio, que é usado somente pelos agentes fiscalizadores para verificar os QR Codes presentes nos dois documentos. O encontro tornou-se uma espécie de oficina, pois os agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) puderam mostrar, na prática, como funcionam os dois aplicativos e como estas soluções são seguras para a autenticação e verificação de legitimidade.

“Foi um encontro muito produtivo, pois os dois países se mostraram interessados e abertos em aceitar e até adotar estas mesmas medidas para a sua população”, afirmou Carneiro.

Ele disse, ainda, que deixaria a tecnologia do aplicativo Vio à disposição dos dois países, e todos se comprometeram a aceitar os documentos digitais apresentados pelos cidadãos brasileiros em suas fronteiras.

Fonte e foto: Agência Estadual de Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *