Paraná abriu 118.316 postos de trabalho no primeiro semestre, melhor resultado desde 2011

O Paraná foi o quarto estado brasileiro que mais gerou empregos no primeiro semestre de 2021, com um saldo de 118.316 vagas abertas entre janeiro e junho. É o melhor desempenho do Estado para o período desde 2011, e também a primeira vez que o saldo nos primeiros seis meses do ano ultrapassa a marca de 100 mil vagas formais.

Segundo os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados nesta quinta-feira (29) pelo Ministério do Trabalho, o Estado também atingiu um bom resultado no mês de junho, com a criação de 15.858 postos de trabalho com carteira assinada, maior saldo da região Sul e também a quarta posição no País. Foi também o melhor desempenho para o mês nos últimos 11 anos.

“Temos comemorados resultados históricos na geração de empregos a cada período. Tivemos o melhor trimestre, o melhor quadrimestre e agora também o melhor semestre da história do Paraná”, afirma o governador Carlos Massa Ratinho Junior.

“Isso demonstra que o Estado está se recuperando que forte impacto da pandemia na economia, graças à força do nosso setor produtivo e o trabalho intenso do Governo do Estado na atração de investimentos e no auxílio aos trabalhadores”, destaca.

O saldo do semestre se refere à diferença entre as 752.694 admissões e 634.378 desligamentos no período. Já no mês passado, 117.295 pessoas foram contratadas do Paraná, enquanto 101.437 foram demitidas. No acumulado dos últimos 12 meses, o saldo de empregos formais no Estado é de 219.370 vagas.

O Estado acumula saldos positivos na geração de empregos ao longo de todo o ano de 2021. Os 118.316 postos formais abertos nos semestres são a somatória dos meses de janeiro (25.105), fevereiro (41.453), março (10.600), abril (9.773), maio (15.527) e junho (15.858). No mesmo período do ano passado, quando o impacto da pandemia de Covid-19 foi mais forte no setor produtivo, o Estado fechou o semestre com saldo negativo de 49.708.

“Os números do Paraná estão excelentes em relação à empregabilidade. Em junho ficamos atrás, na geração de empregos, de apenas três estados que são bem mais populosos, e fomos o número 1 na região Sul”, salientou o secretário estadual da Justiça, Família e Trabalho, Ney Leprevost.

“Também fomos o estado brasileiro o que mais ofertou vagas através das Agências do Trabalhador, com 90 mil empregos intermediados pelas 216 agências espalhadas pelos municípios”, disse.

Leprevost destacou o papel da pasta na qualificação dos trabalhadores, que reflete nos bons números. “Nossa equipe tem sido incansável no trabalho de qualificação profissional. O trabalhador que está bem preparado, bem qualificado, tem melhores oportunidades no mercado de trabalho”, afirmou. “Também temos que agradecer a confiança das empresas paranaenses, o governo não tem medido esforços para atrair investimentos ao Paraná”, reforçou.

Fonte e foto: Agência Estadual de Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *