Suspeito pela morte de idoso em Ampére será julgado nesta sexta-feira, 25

Um crime que ocorreu em agosto de 2019 volta a tona nesta sexta-feira, 25. Everton Santos da Silva será julgado por homicídio qualificado em virtude da morte de Antônio da Silva, que na época da sua morte tinha 73 anos. O júri popular acontecerá a partir das 9h, na Câmara de Vereadores. Os trabalhos serão coordenados pelo juiz da comarca local, Dr Alexandre Afonso Knakiewicz. A acusação fica a cargo do promotor público Dr Philipe Salomão Marinho de Araújo e na defesa atua o advogado Gilson Luis Paschoal.

Everton está preso na Penitenciária Estadual de Francisco Beltrão e será julgado pela morte do idoso, que ocorreu na noite do dia 15 de agosto de 2019. Naquela ocasião, no bairro Colina Verde, segundo denúncia do MP, ele matou Antônio, decapitou e ateou fogo no imóvel da vítima. Após isso fugiu e foi se esconder em um hotel da cidade. No dia seguinte ele foi preso pelas Polícias Civil e Militar de Ampére no estabelecimento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *