Polícia Civil prende acusado de tentativa de feminicídio

A Polícia Civil do Paraná (PCPR), através da Delegacia da Mulher de Pato Branco, com apoio da Denarc, prendeu nesta segunda-feira (8), Dia Internacional da Mulher, durante a Operação Resguardo, um homem acusado de uma tentativa de feminicídio. O crime ocorreu no dia 1º deste mês em um matagal no bairro Bortot, em Pato Branco, onde a vítima foi atingida por diversos golpes de faca, mas conseguiu caminhar até o Corpo de Bombeiros, onde foi socorrida.

A delegada titular da Delegacia da Mulher de Pato Branco, Franciela Alberton, informou durante entrevista coletiva que o acusado foi preso ao se apresentar para prestar depoimento. Trata-se de um homem de 30 anos, que não teve o nome divulgado, mas tem vários registros em seu desfavor por violência doméstica. Antes de tentar matar a atual companheira, ele já havia agredido outras duas ex-mulheres.

Com relação a mulher que foi atingida por golpes de faca no bairro Bortot, Franciela disse que ela já havia sido agredida no mês de outubro do ano passado e chegou a pedir uma medida protetiva contra o agressor, mas depois reativou o relacionamento. No dia 1º de março, o casal discutiu no apartamento por ciúmes dele, após retornarem do mercado, quando ela foi agredida com um golpe de faca e resolveram sair para os vizinhos não ouvirem. O homem levou a vítima de carro até um matagal no bairro Bortot, onde passou a agredi-la a golpes de faca. Ela sofreu cortes na região cervical, face, nariz, queixo, pescoço e braços. A mulher, de 30 anos, chegou a correr, mas caiu, quando o agressor a levou até as imediações do Corpo de Bombeiros e fugiu. Os socorristas afirmaram que foi “milagre” ela ter conseguido caminhar cerca de 100 metros até o quartel e o médico que a atendeu afirmou nunca ter visto lesões tão profundas.

A delegada Franciela acredita que o agressor permanecerá preso até o julgamento. A pena para o crime de tentativa de feminicídio é de 12 a 30 anos de prisão.

Fonte e foto: Adenir Brocco/Jornal Diário do Sudoeste

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *