Paraná conhece cronograma federal de vacinação contra a Covid-19

O governador Carlos Massa Ratinho Junior participou nesta terça-feira (02) de uma reunião com o presidente da Câmara Federal, deputado Arthur Lira, e outros representantes de estados que integram o Fórum dos Governadores. No encontro, realizado por meio de videoconferência, foi apresentado o cronograma de distribuição de vacinas contra a Covid-19 elaborado pelo Ministério da Saúde.

De acordo com Lira, o Brasil terá em torno de 139 milhões de doses até o fim de maio. Serão encaminhadas para os estados 39 milhões em março, 53 milhões em abril e 47 milhões em maio. Os novos lotes fazem parte do esforço concentrado de vacinar 50% da população brasileira até julho.

“Serão 454 milhões de imunizantes à disposição da população até o fim do ano. Temos R$ 20 bilhões reservados para comprar vacina”, destacou o parlamentar, que pediu para os governadores atuarem no convencimento para que as emendas individuais e de bancada dos deputados sejam destinadas exclusivamente para o combate ao vírus.

Além dos imunizantes produzidos pelos consórcios Sinovac/Butantan (CoronaVac) e Oxford/Fiocruz (AstraZeneca), o País terá à disposição a vacina Covaxin, da Precisa Medicamentos/Bharat Biotech. Lira informou que o Ministério da Saúde já comprou de 20 milhões de doses do imunizante.

As primeiras 8 milhões de doses chegam em março, em dois lotes de 4 milhões. Em abril, o Governo Federal espera receber outras 8 milhões de doses de imunizantes importados da Índia. Em maio, é esperado o último lote de doses, com 4 milhões de unidades

PRÓXIMO LOTE – O Ministério da Saúde confirmou ao Governo do Paraná nesta terça-feira (2) o envio de mais 146.800 doses de vacinas contra o novo coronavírus. O novo lote é da CovonaVac e faz parte de uma nova remessa de 1,9 milhão de doses encaminhadas pelo Butantan ao governo federal.

As novas doses chegarão nesta quarta-feira, às 8h30, no Aeroporto Internacional Afonso Pena, em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba. Logo em seguida serão encaminhadas para o Centro de Medicamentos do Paraná (Cemepar), onde parte será armazenada e parte preparada para distribuição para as Regionais da Saúde.

Fonte e foto: Agência Estadual de Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *