Mortes nas estradas do Sudoeste caem 18% em 2020

O ano de 2020 foi marcado pela pandemia do novo coronavírus. Ao longo deste período diversas ações restritivas foram colocadas em prática para frear o avanço da doença.

As medidas de isolamento tiveram impacto, por exemplo, na circulação das pessoas. Com menos deslocamentos, também ocorreu redução no número de acidentes nas estradas estaduais do Sudoeste do Paraná. No ano retrasado foram 1.151 acidentes contra 642 de 2020 (-44%).

O número de feridos caiu de 783 para 666 (-15%) e a quantidade de mortes nos locais de acidente de trânsito reduziu de 97 para 79 (-18,5%). Nesta estatística não entram os óbitos que ocorrem nos hospitais após terem sido socorridos dos locais de acidentes. A captura de ilegalidades através de câmeras de radar também caiu de 19.124 para 5.617 (-70%) e de autuações de 7.114 para 6.114 (-14%).

O capitão José Batista dos Santos, comandante da 6ª Companhia da Polícia Rodoviária Estadual (PRE), que abrange toda a região Sudoeste, salienta que no início a restrição de tráfego decorrente do fechamento de algumas cidades da região impactou no tráfego de veículos, mas em meados de maio a circulação voltou ao quase que ao normal nas rodovias estaduais.

“A avaliação é que além de uma redução do fluxo no início das medidas contra a Covid-19, houve um trabalho incessante dos policiais rodoviários do Paraná, do Batalhão de Polícia Rodoviária, que não mediu esforços em reduzir os índices de acidentes em todo o Estado. Além de trabalhar nas barreiras sanitárias implantadas em locais de fronteira, com os estados vizinhos como Santa Catarina aqui na região, mas principalmente na região de divisa com São Paulo.”

De acordo com ele, 2020 para o Batalhão de Polícia Rodoviária como um todo foi um ano muito bom, pois além da redução de acidentes, óbitos e feridos também houve investimento do Governo do Estado que refletem nas ações de fiscalização e prevenção de acidentes, como por exemplo, novas viaturas recebidas por todos os postos de policiamento rodoviário do Paraná.

Vai viajar, redobre as atenções
Janeiro é um período em que muitas famílias aproveitam o calor para viajar para o litoral ou mesmo aproveitar os recantos, lagos e parques aquáticos da região.

Ao pegar a estrada, o motorista deve levar em consideração algumas recomendações. Segundo o capitão José Batista dos Santos, comandante da 6ª Companhia da Polícia Rodoviária Estadual (PRE), é importante fazer uma revisão ou inspeção do veículo antes de pegar a estrada (verificar pneus, suspensão, parte de sinalização e elétrica, limpadores de para-brisa).

Também é fundamental fazer uma programação para uma viagem tranquila, sem pressa, para não ter que infringir a legislação no excesso de velocidade e ultrapassagens em locais proibidos, pois estes dois fatores são os principais causadores de acidentes nas rodovias.

“O motorista deve manter distância do veículo que vai à frente, não ingerir bebidas alcoólicas e conduzir o veículo, e usar os dispositivos de segurança corretamente, como o cinto de segurança, bebê conforto, cadeirinha e assento de elevação quando necessário. Mesmo em pequenos deslocamentos não exceder a capacidade máxima de lotação do veículo.”

Fonte: Niomar Pereira/Jornal de Beltrão – Foto: Portal RBJ

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *