Mais 56 casos e dez óbitos por H3N2 são confirmados no Paraná

A secretaria estadual da Saúde confirmou mais 56 casos e dez óbitos em decorrência da H3N2 no Paraná. As informações foram extraídas nesta quarta-feira (16) por meio do Gerenciador de Ambiente Laboratorial (GAL).

A doença é um tipo do vírus da Gripe Influenza A e, desde dezembro, já foram registrados 2.037 casos e 98 mortes em 231 municípios paranaenses. Em janeiro, o Paraná declarou estado de epidemia de H3N2, considerando o rápido contágio, direto ou indireto da doença.

O Estado não registrava tantos casos neste período desde o início do monitoramento dos casos da Influenza A (H3) pela Secretaria da Saúde, em 2016.

Os novos óbitos foram registrados em Assis Chateaubriand (1), Bandeirantes (1), Centenário do Sul (1), Colombo (1), Fazenda Rio Grande (1), Ibaiti (1), Ipiranga (1), Laranjeiras do Sul (1), Paranaguá (1) e São José dos Pinhais (1). São cinco mulheres e cinco homens, com idades entre 40 e 86 anos. As mortes ocorreram entre os dias 6 de janeiro e 12 de fevereiro.

DIAGNÓSTICO – Atualmente, os diagnósticos de Influenza são realizados nos serviços de saúde, após procura por atendimento, e também nas 34 unidades sentinela do Paraná – responsáveis pela detecção de doenças circulantes por meio de amostras aleatórias.

Já com relação a nominação da cepa do vírus, a confirmação depende do sequenciamento genômico da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), no Rio de Janeiro.

Fonte e foto: Agência Estadual de Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *