Governo começa a distribuir novo lote de vacinas contra a Covid-19

O Governo do Estado começou a distribuir nesta sexta-feira (18) parte das 234.510 vacinas contra a Covid-19 que chegaram pela manhã ao Paraná. O envio será finalizado na segunda-feira (21).

Nove das 22 regionais que formam o sistema público de saúde já receberam, via terrestre, 77.490 das 143.910 do imunizante Comirnaty, produzido pela Pfizer/BioNtech, referente à 25ª pauta de entrega governo federal. O restante será encaminhado neste sábado (19) por meio da frota aérea que atende o Estado.

Além da Pfizer, a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) disponibilizará a metade das doses da CoronaVac/Butantan para todos os municípios até segunda-feira. Apenas Curitiba já retirou nesta sexta-feira: foram 6.330 doses para a Capital. No total, o município foi contemplada com 34.710 vacinas – as 28.380 Comirnaty complementam a remessa.

As vacinas da Pfizer/Comirnaty, destinadas para primeira dose (D1), serão encaminhadas para todos os municípios do Paraná. Os imunizantes da farmacêutica norte-americana possuem instruções de operacionalização diferenciadas. Elas podem permanecer armazenadas por até 31 dias à temperatura de 2º a 8º C, desde que o transporte dos imunizantes seja realizado em até 12 horas, dentro da mesma temperatura.

Segundo o Plano Estadual de Vacinação, serão 95.115 doses para pessoas de 40 a 59 anos; 16.396 para trabalhadores da educação do ensino básico, ensino fundamental, ensino médio, profissionalizante e EJA; 16.396 para trabalhadores do Ensino Superior; e 1.483 doses para trabalhadores da Assistência Social. O quantitativo inclui, ainda, a reserva de 10% que deve ser utilizada para perdas técnicas e físicas, falha no transporte ou quebra de frascos.

Das doses da Coronavac/Butantan, apenas metade será enviada para as 22 regionais de Saúde do Estado. Os imunizantes, que deverão ser utilizados como primeira dose serão aplicados em gestantes e puérperas com ou sem comorbidades. O restante ficará armazenado no Centro de Medicamentos do Paraná (Cemepar), em Curitiba, e serão enviadas nos próximos 15 dias para aplicação da segunda dose.

Paraná apresenta ao Ministério da Saúde estratégia para identificar Covid-19
Os grupos prioritários, aqueles que são mais expostos ao vírus ou têm mais chances de desenvolverem casos graves da doença, correspondem a mais da metade da população vacinável. Conforme o Ministério da Saúde, o Paraná tem 8,8 milhões de pessoas com mais de 18 anos, que devem receber a vacina.

VACINÔMETRO – O Paraná vacinou até esta sexta-feira (18) 4.898.875 paranaenses, sendo 3.620.211 pessoas com a primeira dose e 1.278.664 com as duas. Os dados constam no Vacinômetro do Sistema Único de Saúde (SUS).

Fonte e foto: Agência Estadual de Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *