Governo ativa mais dez leitos clínicos exclusivos para Covid-19 no Sudoeste

A Secretaria de Estado da Saúde ativou nesta terça-feira (15) mais dez leitos clínicos exclusivos para atendimento à Covid-19. São cinco leitos na Associação Pró-Saúde de Clevelândia e outros cinco na Associação de Saúde Mangueirinha, ambos na região Sudoeste.

Desde o início da pandemia, o Governo do Estado vem realizando um grande esforço para ampliar leitos e levar atendimento especializado de forma regionalizada. O objetivo é que as pessoas possam contar com suporte médico/hospitalar mais perto das suas casas.

“Importante enfatizar que mesmo com ampliações diárias e constantes, as taxas de ocupação ainda são altas em todo o Paraná, o que acarreta sobrecarga de atendimento. Estamos atuando para diminuir as filas e manter a qualidade do atendimento, mas precisamos da colaboração de toda a população”, afirmou o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto.

A Secretaria reforça à população que mantenha as recomendações de distanciamento social, uso de máscara e álcool gel, além de seguir as orientações determinadas tanto no decreto estadual quanto nos decretos municipais.

DADOS – A Sesa soma agora, um ano e quatro meses depois do início da pandemia, 4.918 leitos exclusivos para Covid-19, sendo 2.012 de UTI e 2.906 de enfermaria.

Esses leitos estão distribuídos nas quatro macrorregionais do Estado: São 2.591 na macro Leste (1.071 UTIs e 1.520 enfermarias), 776 na Oeste (345 UTIs e 431 enfermarias), 733 na Noroeste (281 UTIs e 452 enfermarias) e 818 na macro Norte (315 UTIs e 503 enfermarias).

Segundo dados da Central de Regulação de Leitos do Estado, a taxa de ocupação é de 95% nos leitos de UTI e 83% nas enfermarias.

A manutenção dessa rede, com as diárias de leitos exclusivos, já soma investimento de cerca de R$ 272 milhões desde o início da pandemia.

Fonte e foto: Agência Estadual de Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *