Governo apresenta pacote de estímulo ao emprego no Paraná

O Governo do Estado divulgou nesta segunda-feira (15) um conjunto de ações que busca ampliar a empregabilidade e a qualificação profissional dos paranaenses nos próximos meses. Entre as novidades apresentadas pelo secretário de Estado da Justiça, Família e Trabalho, Ney Leprevost, estão a nova campanha do aplicativo Paraná Serviços, a parceria com Google para qualificação em Tecnologia da Informação (TI), a volta dos cursos das Carretas do Conhecimento e o desenvolvimento dos programas Emprega Mais Paraná e Recomeça Paraná.

Além disso, o secretário destacou o retorno do atendimento presencial nas Agências do Trabalhador do Paraná a partir da próxima segunda-feira (22), que passarão a funcionar também como agentes financeiros, oferecendo a possibilidade de contratação de empréstimos de até R$ 10 mil para pequenos empreendedores, em parceria com a Fomento Paraná.

“A linha estabelecida pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior é para que se crie e ofereça oportunidades de emprego aos trabalhadores do Paraná. Estamos todos empenhados nisso. O objetivo é colocar o Estado no caminho da empregabilidade. Estamos otimistas em relação a 2021”, disse Leprevost.

Ele ressaltou que o objetivo é repetir os bons números de 2020, quando o Estado liderou o ranking nacional de colocação de profissionais por meio das agências. Foram 74.615 trabalhadores encaminhados para vagas de emprego com carteira assinada. “Adotamos uma postura pró-ativa dentro das agências. Paramos de ficar esperando e fomos até as empresas oferecer oportunidades”, afirmou.

RECOMEÇA – A principal medida fica por conta do programa Recomeça Paraná. Com previsão para iniciar em abril, o projeto tem como objetivo estimular a geração de emprego e renda com apoio das Agências do Trabalhador. Mais um passo para a retomada do Paraná visando o fortalecimento da economia, debilitada pela pandemia da Covid-19.

De acordo com a diretora do Departamento do Trabalho e Estímulo à Geração de Renda, Suelen Glinski, as agências ampliarão o raio de atuação, oferecendo microcrédito, qualificação profissional e inovação a partir deste ano. As agências são vinculadas à Secretaria da Justiça, Família e Trabalho. “É uma parceria com a Fomento Paraná. Em cada agência haverá uma pessoa especializada oferecendo crédito para quem quer empreender, sempre com juros subsidiados”, explicou.

Parceria que pode ser ampliada no longo prazo. A intenção, destacou a diretora, é trazer também o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) para dentro dos postos, garantindo crédito para empresários de maior porte.

Fonte e foto: Agência Estadual de Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *