‘É muito triste escolher quem vai para UTI e quem não vai, ‘ diz secretária de Saúde de Pato Branco

Após o colapso no sistema de saúde de Pato Branco, no sudoeste do Paraná, a Secretaria Municipal de Saúde reforçou o pedido de ajuda à população, nesta terça-feira (8), para seguirem as medidas sanitárias em meio à pandemia do novo coronavírus.

Na segunda-feira (7), a ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) chegou a 100% nos dois hospitais da cidade, que ofertam leitos pelo Sistema Único de Saúde (SUS) para casos Covid-19.

Segundo a secretária de Saúde, Márcia Fernandes de Carvalho, o município não tem mais profissionais de saúde disponíveis. Além disso, se o número de casos continuar aumentando, não será possível atender todos os pacientes.

Conforme a Secretaria do Estado da Saúde (Sesa), até a tarde desta terça-feira, dos oito leitos de UTI na ala Covid-19, apenas um deles estava disponível em Pato Branco.

Por causa do número de profissionais afastados e o remanejamento de outros para atendimento de sintomáticos respiratórios, a Unidade Básica de Saúde (UBS) do Bairro Morumbi está fechada nesta semana.

Segundo a secretaria, até esta terça, Pato Branco registrou 2.561 casos confirmados do novo coronavírus e 26 mortes pela Covid-19. O aumento de casos chegou a 400% nas quatro últimas semanas, conforme o município.

Fonte e foto: Portal G1 Oeste e Sudoeste

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *