Your API key has been restricted. You may upgrade your key at https://www.weatherbit.io.
Your API key has been restricted. You may upgrade your key at https://www.weatherbit.io.

Com 174 novas confirmações, Paraná ultrapassa mil casos de dengue em dois meses

A Secretaria estadual da Saúde (Sesa) divulgou nesta terça-feira (26) o novo boletim semanal da dengue, com 174 novos casos da doença no Paraná e nenhum óbito. Com esse número, o Estado chega em menos de dois meses a 1.087 confirmações, 9.278 notificações e 4.003 casos em investigação. O balanço é do atual período epidemiológico, que começou em 1º de agosto.

Dos 399 municípios, 131 tiveram casos confirmados e 284 registraram casos suspeitos no sistema. As Regionais de Saúde com mais diagnósticos confirmados de dengue até o momento são as de Maringá (227), Londrina (217), Paranaguá (136) e Foz do Iguaçu (136).

O mosquito Aedes aegypti também é responsável, além da dengue, pela transmissão da zika e chikungunya. Durante este período não houve confirmação de casos de zika. Já o panorama de chikungunya no Paraná é de 132 notificações, nove casos confirmados, sendo oito autóctones, sem óbitos.

AÇÕES DIRECIONADAS – A Sesa realiza nesta quarta-feira (27) capacitação para profissionais da vigilância epidemiológica, atenção à saúde, controle vetorial e comunicação. Também são convidados os gestores municipais da 1ª Regional de Paranaguá a fim de que sejam traçadas ações para o enfrentamento das arboviroses na região, por conta do recorrente número de casos.

Na 8ª Regional de Francisco Beltrão estiveram reunidos 47 profissionais dos municípios de Santo Antônio do Sudoeste, Barracão, Bom Jesus do Sul, Renascença, Marmeleiro, Pranchita, Flor da Serra do Sul, Salgado Filho, Manfrinópolis e Pinhal de São Bento para mais um encontro para a prevenção da doença.

O município de Castro, nos Campos Gerais, também foi sede de uma capacitação para os profissionais de saúde da 3ª Regional de Ponta Grossa. Na ocasião, foram apresentados os dados epidemiológicos da região. Apesar dos poucos casos confirmados de dengue nesta Regional no período anterior (46 casos autóctones e 58 casos importados), existe a preocupação para o diagnóstico e manejo clínico dos casos notificados.

Confira o último boletim e todas as informações sobre o novo período sazonal AQUI.

Fonte: AEN    Foto: SESA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *