Sudoeste está com 46% de ocupação dos leitos para Covid-19

De acordo com relatório divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), nesta segunda-feira (23), a ocupação dos leitos exclusivos para o tratamento de pacientes com Covid-19 está em 46% na região Sudoeste.

O percentual foi calculado considerando a soma dos leitos do tipo enfermaria e Unidade de Terapia Intensiva (UTI), da 7ª e 8ª Regionais de Saúde.

O cálculo não considera os leitos pediátricos exclusivos para o tratamento da doença, disponíveis apenas em Pato Branco, de acordo com o relatório da Sesa. Nessa modalidade há dois leitos em UTI, sendo um deles ocupado, e duas vagas existentes em enfermaria, ambas livres.

Além dos leitos exclusivos para os cuidados de pacientes com Covid-19, há ainda pacientes em leitos SUS em Chopinzinho (1 em enfermaria); Coronel Vivida (1 em enfermaria); Clevelândia (2 em enfermaria); Capanema (2 em enfermaria); São Jorge do Oeste (3 em enfermaria); Santo Antônio do Sudoeste (1 em enfermaria); Francisco Beltrão (2 em enfermaria) e Ampere (3 em enfermaria). Segundo o relatório, ainda há dois pacientes em UTI pediátrica em Pato Branco.

A 8ª Regional de Saúde, que compreende os municípios da região de Francisco Beltrão concentra o maior número de leitos ocupados. Conforme o documento, 8 dos 10 leitos de UTI disponíveis no Hospital Regional de Saúde estão ocupados, ou seja, 80%. Na enfermaria, a ocupação é de 70%, sendo que 7 dos 10 leitos disponíveis estão ocupados.

O hospital regional, em Francisco Beltrão, está concentrando os atendimentos na 8ª Regional de Saúde.

Já na área da 7ª Regional de Saúde, dos 28 leitos de UTI disponíveis, 9 estão ocupados (Cerca de 32%). O último relatório divulgado no mês de outubro indicava 6 leitos ocupados dos 28 existentes.

Já na enfermaria, 19 dos 45 leitos disponíveis para atendimento de pacientes com Covid-19 nos hospitais da 7ª Regional de Saúde estão ocupados (Cerca de 42% de ocupação). No fim de outubro, 12 dos 45 leitos estavam ocupados.

Na 7ª Regional, os leitos estão distribuídos nos hospitais São Lucas e Policlínica, em Pato Branco, no Instituto São Rafael, em Chopinzinho, e no hospital Santa Pelizzari, em Palmas.

Fonte: Jornal Diário do Sudoeste

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *