Em Manfrinópolis, Polícia Ambiental apreende serraria móvel, madeiras e autua dono de propriedade em R$ 120 mil

Uma serraria móvel foi apreendida pela Polícia Ambiental em Manfrinópolis, na região de Francisco Beltrão, neste final de semana. De acordo com o Sargento Mello Santos, comandante do Pelotão da Polícia Ambiental no Sudoeste, durante vistoria numa propriedade no sábado (26), a equipe encontrou e apreendeu 61 metros cúbicos de madeira nativa, entre troncos de árvores, material lenhoso e tábuas beneficiadas.

Segundo o militar, as madeiras eram das espécies Araucária, Loro, Açoita Cavalo, Canafístula, Angico, entre outras. Além da madeira, foi apreendido um trator que tocava uma serraria móvel, utilizada no beneficiamento da madeira que estava sendo extraída ilegalmente. O responsável pela propriedade foi multado em cerca de R$ 19 mil pelo corte das madeiras e mais R$ 100 mil pela operação da serraria, além de ser conduzido para lavratura do termo Circunstanciado que caracteriza o crime ambiental. As madeiras apreendidas foram doadas para uma instituição sem fins lucrativos. Quanto ao trator e a serraria móvel, esses ficam a disposição da justiça.

A Polícia Ambiental alerta os proprietários de máquinas utilizadas para práticas de crimes ambientais, tais como dragas, tratores de esteira e similares, que quando constatada a utilização os mesmos são apreendidos e não poderão ser utilizados enquanto perdurar o processo, bem a como a multa aplicada é no mesmo valor da correspondente ao crime ambiental. Somente nesses primeiros meses do ano de 2021, já foram apreendidas pela Polícia Ambiental no Sudoeste quase 30 máquinas utilizadas para a prática de crimes contra o meio ambiente.

Fonte: Portal RBJ – foto: Polícia Ambiental

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *