Your API key has been restricted. You may upgrade your key at https://www.weatherbit.io.
Your API key has been restricted. You may upgrade your key at https://www.weatherbit.io.

DER/PR mantém serviços de manutenção na PRC 280

O Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER/PR), autarquia da Secretaria de Infraestrutura e Logística (SEIL), está completando nesta quarta-feira (31) sete meses de serviços de conservação e manutenção do pavimento da PRC-280 e PRC-158 entre Palmas e Renascença, na região Sudoeste.

Já foram investidos R$ 9.999.723,90 em contrato específico para realizar melhorias nas duas rodovias, com extensão total de 116,35 quilômetros, beneficiando 170 mil habitantes de sete municípios (Clevelândia, Mariópolis, Palmas, Pato Branco, Renascença e Vitorino), além do tráfego de longa distância. Outros R$ 16.875.571,60 serão utilizados ao longo dos próximos meses.

São serviços de remendos superficiais, remendos profundos, reperfilagem, microrrevestimento, melhorias no sistema de drenagem e sinalização horizontal, realizados de forma rotineira e também para resolver danos pontuais no pavimento.

A PRC-280 é uma rodovia antiga, de pista simples com segmentos de terceiras faixas, enfrentando um volume diário médio de tráfego de até 8 mil veículos nos pontos de maior movimento. E grande parte destes veículos são caminhões de carga, escoando a produção agropecuária e também transportando produtos da indústria extrativista e de transformação.

Por estas características, tanto do pavimento quanto de usuários, a PRC-280 e a PRC-158 são vulneráveis ao surgimento de novas patologias no pavimento asfáltico, como buracos e afundamentos, típicos de rodovias transformadas em corredores logísticos, apesar de terem função inicial diferente. O contrato atual de conservação melhora as condições de trafegabilidade das rodovias, mas não é uma solução a longo prazo.

O DER/PR inclusive conta com um ponto de pesagem de veículos de carga e de transporte de passageiros em Pato Branco, visando coibir o excesso de peso veicular na PRC-280 e PRC-158, prática que não só aumenta os riscos de acidentes, como também causa muito mais desgaste e danos ao pavimento que um veículo dentro da norma vigente.

Fonte e foto: Agência Estadual de Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *