Acusado de matar a ex companheira é condenado a 32 anos de prisão

Em julgamento realizado no Tribunal do Júri da Comarca de Francisco Beltrão na quinta-feira (16) o réu Deoclezio Simioni, 31 anos, foi condenado a 32 anos de prisão pela morte de sua ex companheira, Stefanny Fernandes de Oliveira, 20 anos (na época), em crime ocorrido na madrugada do dia 23 de março de 2019. O julgamento iniciou às 13h e terminou por volta de 23h15 quando foi lida a sentença final.

Stefanny Fernandes de Oliveira – Foto arquivo pessoal O crime Deoclezio e Stefanny, conviveram durante alguns anos e tiveram uma filha na época do crime com 02 anos, e estavam em processo de separação desde 2018. Durante esse tempo tiveram várias situações de desentendimentos, pois ele não aceitava a separação. No dia dos fatos, Deoclezio avistou ela em frente a um salão de baile conversando com outro homem e a ameaçou de morte. Na sequência após o término do evento, ele foi até a casa da ex na Rua Argentino Salvatti, bairro Antônio de Paiva Cantelmo, onde permaneceu escondido entre árvores e de posse de uma faca aguardou a chegada dela.

Por volta de 04h40 quando ela foi deixada por uma amiga na esquina da casa na Rua Antônio Singer, Deoclezio atacou Stefany com golpes de faca em região vital do corpo, causando sua morte. Deoclezio foi preso no dia 29 de março de 2019 e desde então aguardava na Penitenciária Estadual de Francisco Beltrão a decisão da Justiça que aconteceu nesta quinta-feira (16).

O julgamento foi presidido pelo Juiz de Direito Dr. Eduardo Rossetti Pinheiro Marques Vianna, tendo no Ministério Público o Promotor de Justiça Dr. Gabriel Santos Pereira Paquielli e na defesa os advogados Rudimar Antônio Cezernisaki, Jean Carlos Cezerniaski, Edson Luiz Cadore Filho e Gilberto Carlos Richithcik. O réu ainda pode recorrer da sentença.

Após o término do julgamento o réu foi encaminhado para a Penitenciária Estadual de Francisco Beltrão para o inicio do cumprimento da pena.

Fonte e foto: Portal PPNews

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *