Zagueiro de Nova Prata do Iguaçu renova com o Juventude

sexta-feira, 13 dezembro 2019 | 08:29 AM

Nascido em Francisco Beltrão, mas criado em Nova Prata do Iguaçu, o jovem zagueiro Odivan Koerich, 20 anos, renovou seu contrato com o Juventude, de Caxias do Sul, e vai para sua sétima temporada vestindo a camisa da equipe gaúcha. Após ser emprestado para o Lajeadense (RS), o jogador vai agora integrar o time profissional.

Capitão do Juventude nas duas últimas edições da Copa São Paulo de Futebol Júnior, Odivan está pronto para novos desafios. “Hoje foi um dia muito especial para mim e minha família, dia de só agradecer por esse momento. Quando vejo o passado e o quanto batalhei para chegar até aqui, desde os 11 anos fora de casa, me emociono, porque não é nada fácil se tornar um atleta de futebol, são muitos momentos mais doloridos do que de alegrias. Mas eu não me arrependo dessa escolha porque as alegrias vividas nessa profissão apagam qualquer sofrimento”, escreveu o jogador em suas redes sociais.

“Muitos não sabem o que passamos para buscar esse objetivo e até, às vezes, somos julgados que tudo em nossa vida é só status, mas não compartilho isso com vocês para querer aparecer ou algo assim, compartilho porque muitos participaram do meu crescimento, de alguma forma me ajudaram e quero agradecer a todos que me deram forças para chegar até aqui”, completou.

Odivan Koerich começou sua base no Genoma Colorado, de Nova Prata do Iguaçu. Em seguida, passou pelo Inter e pelo Athletico Paranaense. Desde os 11 anos de idade, está fora de casa, em busca de seu sonho.

Homenagem para a mãe
Odivan é filho de Alvino e Dirce Koerich. O pai é agricultor aposentado e a mãe se aposentou como merendeira da Escola Municipal Deomir Rossi Filho, de Nova Prata do Iguaçu. Em novembro de 2018, os pais do jogador sofreram um acidente na PR-471, próximo a Salto do Lontra. Dona Dirce teve ferimentos graves e acabou falecendo no Hospital Regional do Sudoeste, em Francisco Beltrão.

“Dedico essa conquista especialmente para minha família, que foi minha base em todos os momentos, hoje tem uma pessoa no céu que eu queria muito abraçar, mas imagino sua felicidade, mãe, porque você faz muito parte dessa conquista, estou muito feliz que o pai participou desse momento ao meu lado. Agradeço também aos meus empresários, por todo apoio estando comigo desde 2014. Deus faz coisas fantásticas em nossas vidas, podemos passar por momentos complicados, mas com fé conseguimos superá-los e tenho confiança que ainda virão mais grandes conquistas”, disse o jogador.

Fonte: Jornal de Beltrão

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *