Urgente: peixes aparecem mortos no rio Ampére; causa é desconhecida

segunda-feira, 16 dezembro 2019 | 16:36 PM

A reportagem das Rádios Ampére AM e Interativa FM foi acionada por moradores do bairro Santa Mônica para verificar uma situação no rio Ampére, na região atrás do Centro de Educação Infantil Pequeno Príncipe, na rua Caramuru. No local vários peixes apareceram mortos no nesta segunda-feira, 16, e outros estão agonizando.

Moradores mostraram para nossa equipe de jornalismo vários pontos do rio onde os peixes estão morrendo. Foram percorridos cerca de 300 metros pelas margens e foi verificada a presença de uma espuma no tom esbranquiçado. Nossa reportagem presenciou que peixes de vários tamanhos e espécies morreram, e alguns animais ainda com vida estão nadam para as proximidades da barranca.

Em conversa com os moradores eles disseram que a situação foi percebida no fim da manhã. Um deles contou que chegou em casa por volta das 11h e viu a espuma na água. “Eu estava em casa e fui ver o rio para pescar a tarde. Eu e meu padrasto se deparamos com essa espuma e os peixes estavam nadando para a margem tentando sair pra não morrer,” comentou ele.

A nossa reportagem entrou em contato com o escritório regional do Instituto Ambiental do Paraná (IAP) para repassar o caso e o chefe da unidade Dirceu Abatti disse que uma equipe do órgão estará na cidade para averiguar a situação.

O rio Ampére é o principal rio da cidade e serve para abastecer com água o perímetro urbano do município. O ponto onde os peixes foram encontrados mortos fica abaixo das estações de captação e de tratamento da Sanepar. A causa da mortalidade dos animais é desconhecida.

 

 

 

 

 

 

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *