Paraná registra perda de 47,6 mil vagas de trabalho em 2020

terça-feira, 30 junho 2020 | 08:45 AM

Segundo dados divulgados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), da Secretaria de Trabalho do Ministério da Economia, 23.856 postos de trabalho com carteira assinada foram fechados no último mês no Paraná. O indicador mede a diferença entre contratações e demissões. Foram 55.823 admissões e 79.679 demissões no mês passado.

No acumulado do ano, o Paraná já viu sumirem 47.696 vagas formais, resultado de 464.991 contratações e 512.687 desligamentos. Foi o terceiro mês seguido de desempenho negativo, reflexo direto com a pandemia do novo coronavírus. O setor de serviços foi o que mais impactou, com a perda de mais de 11 mil vagas.

No País, foram 331.901 postos de trabalho com carteira assinada fechados no último mês. Apesar do encolhimento do emprego formal, houve melhora em relação a abril, quando haviam sido fechados 860.503 postos. A retração de empregos totaliza 1.144.118 de janeiro a maio.

Na divisão por ramos de atividade, quatro dos cinco setores pesquisados fecharam empregos formais em maio. A estatística foi liderada pelos serviços, com a extinção de 143.479 postos.

As maiores variações negativas ocorreram em São Paulo com o fechamento de 103.985 postos; Rio de Janeiro, 35.959 postos; Minas Gerais, 33.695 postos, e Rio Grande do Sul, 32.106 postos de trabalho. A penas o Acre registrou saldo positivo, com a criação de 130 vagas com carteira assinada.

Curitiba segue a mesma tendência. No mês passado foram 16.074 contratações e 24.162 desligamentos, com saldo negativo de 8.088 vagas de emprego formal perdidas. No acumulado do ano, o saldo é negativo em 22.192 postos, diferença das 135.020 admissões e 157.212 demissões desde o início do ano.

Fonte: Portal Bem Paraná – Foto: Reprodução internet

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *