Novos veículos modernizam e reforçam frota do Depen Paraná

quinta-feira, 30 julho 2020 | 08:03 AM

O Governo do Estado modernizou a frota do Departamento Penitenciário do Paraná (Depen-PR). O governador Carlos Massa Ratinho Júnior entregou nesta quarta-feira (29), no Palácio Iguaçu, 30 veículos que reforçarão logística do órgão. O investimento é de R$ 3,95 milhões, em recursos próprios do Estado.

“É um planejamento do Governo que vem desde o ano passado e agora nos permite reforçar equipamentos na área de segurança pública. Estamos antecipando investimentos para enfrentar também essa pandemia do coronavírus”, afirmou Ratinho Junior. “Com aparelhos mais modernos, as forças de segurança do Paraná têm condições de serem ainda mais eficientes”, acrescentou.

Entre os veículos estão quatro micro-ônibus destinados ao transporte de servidores que atuam no Complexo Penitenciário de Piraquara, na Região Metropolitana de Curitiba, oito vans de transporte e dez caminhonetes que serão distribuídas pelas nove regionais do Depen no Paraná. Além disso, foram entregues oito camburões adaptados ao transporte de presos, enviados pelo o Depen Nacional, que também vão reforçar a estrutura no Interior do Estado.

São veículos modernos que vão ajudar no trabalho operacional e melhorar o desempenho de todo o departamento”, destacou o diretor-geral do Depen, Francisco Caricati. Segundo ele, a renovação da frota significa ainda mais economia para o Estado. “Os nossos veículos eram muito antigos, precisavam de manutenção constante. Ou seja, mais custo para o Governo”, disse.

CORONAVÍRUS – Secretário de Estado da Segurança Pública, Rômulo Marinho Soares lembrou que os 30 novos veículos podem servir de apoio à Secretaria de Estado da Saúde neste momento de pandemia de coronavírus.

“É mais uma ferramenta que o Depen terá para dar uma pronta resposta aos presos. O órgão precisa ter um plano B para levar os detentos de um lugar ao outro e não ficar só na dependência da Saúde durante a pandemia, principalmente no Interior”, ressaltou.

Fonte: Agência Estadual de Notícias

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *