Havan tem interesse em instalar filial em Beltrão

segunda-feira, 06 janeiro 2020 | 09:09 AM

A rede de lojas de departamento Havan tem interesse em implantar uma filial em Francisco Beltrão. A Havan já tem lojas em cidades próximas de Francisco Beltrão, como Cascavel, Foz do Iguaçu, Guarapuava, Pato Branco, Toledo e Chapecó (SC). No Brasil são 140 unidades espalhadas por 17 estados e no Paraná ela já está em 21 cidades.

Ontem de manhã, o vice-prefeito de Beltrão, Antonio Pedron (PSD), esteve na sede da Havan, em Brusque (SC), e manteve contatos com os diretores Nilton Hang, diretor-geral e de expansão, e Moacir de Oliveira, diretor de planejamento, sobre este anseio de muitos beltronenses.

A informação recebida por Pedron foi de que a Havan tem interesse em instalar uma filial no município com uma condição: que o preço do imóvel a ser adquirido não seja exorbitante. Em 2014, a direção da empresa tinha interesse em comprar um terreno para colocar a sua primeira filial no Sudoeste do Paraná. No entanto, o valor pedido foi considerado muito alto.

Diante dessa situação, a empresa comprou um imóvel de frente para a BR 373, no Bairro Fraron, em Pato Branco, e instalou a sua loja que hoje atende clientes de toda a região. Detalhe: a empresa pagou a metade do valor pelo imóvel em Pato Branco em relação ao que foi pedido em Beltrão.

Fora da realidade
Antonio disse ao JdeB que esta é a preocupação. “São preços que se cobra em grandes centros, como São Paulo. É fora da realidade do Paraná e do Brasil”, comentou, referindo-se aos valores praticados em Beltrão. O grupo empresarial também pode arrendar terreno por período de 30 anos, mas a condição é a mesma. Se conseguirem o terreno, a construção começa ainda em 2020.

O vice-prefeito ressaltou que a direção da Havan tem interesse e diretores devem vir a Beltrão em janeiro ou fevereiro para discutir a implantação de uma unidade. “É praticamente certa a vinda”, adiantou o vice-prefeito, em contato com o JdeB, após o término da reunião.

Antonio lembrou que vem conversando com a direção da Havan há cerca de dois anos, na tentativa de conseguir uma filial para o município. Disse, também, que o grupo empresarial já recebeu algumas propostas para verificação de imóveis que possam receber o investimento. E conversou com Luciano Spessatto sobre as negociações com a Havan.

O presidente do Conselho de Desenvolvimento Econômico de Beltrão (Condef), João Manoel Rios, é a favor de atrair a Havan para o município. “A ideia é fomentar pra que se viabilize. Estamos na torcida pra que dê certo, e o Antonio [Pedron] faz parte do nosso conselho”, ressalta João.

Fonte: Jornal de Beltrão  –  Foto Rose Pedron

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *