Grupamento aéreo da Polícia Civil completa 441 operações em 4 anos

quarta-feira, 17 junho 2020 | 15:42 PM

A Polícia Civil do Paraná (PCPR) comemora quatro anos de criação de seu Grupamento de Operações Aéreas nesta quarta-feira (17). Nesse período, a frota atuou em 441 operações programadas para cumprimento de mandados e foi ampliada de uma para quatro aeronaves. O grupamento também promoveu o primeiro curso de pós-graduação em operações aéreas de segurança pública do País.

Das operações programadas realizadas entre 17 de junho de 2016 até maio deste ano, 83% foram fruto do trabalho de polícia judiciária da PCPR e o restante de apoio a outras forças de segurança – Polícia Federal, Polícia Militar, Guarda Municipal e Bombeiros Militar.

O grupamento aéreo da PCPR também atua de forma emergencial. Em quatro anos foram 264 voos de apoio desse tipo, 73% deles para atuar em ocorrências da própria PCPR. Os demais voos de emergência ocorreram em apoio à Polícia Militar, Casa Militar (43), Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal (PRF), Forças Armadas (22) e Guarda Municipal (6).

Os voos emergenciais são, em sua maioria, para ocorrências policiais, mas também incluem o atendimento a situações de crise, como é o caso da pandemia da Covid-19.

Desde 2016, houve 209 voos de repressão qualificada, em que o objetivo é sobrevoar locais onde há maiores índices de determinados delitos, contribuindo para a efetividade das ações de polícia judiciária.

As aeronaves da PCPR ainda fizeram cinco voos para transporte de órgãos para transplante e 10 voos em ocorrências relacionadas ao arrebatamento de presos e rebeliões em unidades prisionais.

Fonte e foto: Agência Estadual de Notícias

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *