Um grave acidente no começo da madrugada desta sexta-feira, 28, provocou a morte de um jovem de 23 anos em Ampére, sudoeste do Estado. Luiz Henrique Peretti, morador da cidade vizinha de Santa Izabel do Oeste, conduzia um Fiat Strada e bateu em um ônibus. A ocorrência foi registrada por volta da 0h na PR 182, sentido a Realeza, em frente a um posto de combustível que fica às margens da rodovia.
 
A reportagem das Rádios Ampére AM e Interativa FM esteve no local e apurou que Luiz retornava para casa após visitar amigos em Ampére. Ele seguia pela via sentido Ampére/Realeza quando uma carreta que estava na pista contrária manobrou para entrar no posto. A Strada acabou colidindo no rodado de trás do caminhão e depois chocou-se frontalmente com o ônibus que estava no sentido a Ampére.
 
Com o impacto Luiz morreu na hora e o corpo ficou preso às ferragens. A carreta andou por alguns metros dentro do pátio do posto e foi abandonada pelo condutor, que até a saída da reportagem do local por volta das 2h40, não havia se apresentado a Polícia Rodoviária. Pelo menos dois pneus do caminhão estouraram em virtude do choque.
 
O ônibus da Unesul fazia a linha Campo Grande/MS a Florianópolis/SC. No coletivo estavam o motorista de 52 anos, 21 passageiros e mais duas pessoas pertencentes a empresa. Ninguém se feriu. Todos os passageiros foram encaminhados para outro veículo da companhia e seguiram viagem.
 
O Corpo de Bombeiros de Ampére e a unidade do Samu de Realeza estiveram no local para atender a situação. Após perícia feita pela Polícia Científica o corpo da vítima foi retirado das ferragens e encaminhado para o Instituto Médico Legal de Francisco Beltrão.
 
Luiz era muito conhecido em Santa Izabel, tinha muitos amigos não só naquela cidade, mas também em Ampére e Realeza. Alguns deles ao saber do ocorrido foram até o local. O jovem era acadêmico de Direito em uma instituição de Francisco Beltrão e estava no último ano do curso.
 
A Polícia Rodoviária Estadual de Realeza atendeu a ocorrência.