Quatro pessoas foram detidas pela Polícia Militar de Manfrinópolis, Sudoeste do Estado, no sábado (2) à tarde, suspeitas de maus tratos e abuso de animais. O flagrante foi numa propriedade rural, na comunidade de linha São João, após o recebimento de uma denúncia anonima. Os detidos estavam organizando uma rinha de galos. Outras pessoas estavam no local, mas fugiram para um matagal e não foram localizadas.
 
Na propriedade, a polícia encontrou uma estrutura completa montada para a realização de rinhas, com local para cobrança de ingressos, duas arenas com arquibancada e cadeiras em um ponto privilegiado, próximo dos tambores de luta, freezeres cheios de bebida alcoólica e lanches para comercialização, bem como 108 gaiolas onde estavam presos os galos que seriam usados nas rinhas. Também foram apreendidos medicamentos e apetrechos utilizados nos animais durante as lutas.
 
O casal responsável pela arena foi encaminhado ao Destacamento da Polícia Militar de Manfrinópolis para elaboração de um termo circunstanciado. Os demais, que inclusive filmaram com o celular a abordagem policial, foram citados como testemunhas.