Balanço divulgado nesta terça-feira (15) pelo Ministério da Saúde apontou que 82% das vagas do último edital do Programa Mais Médicos foram preenchidas. Com a publicação do resultado dos selecionados na segunda chamada, mais de 7 mil médicos com registro no Brasil se apresentaram aos municípios. Ao todo, 8.517 oportunidades foram disponibilizadas após o encerramento da cooperação com Organização Pan-Americana (Opas).

Dos 1.707 profissionais que se inscreveram na última chamada, 1.089 compareceram aos locais escolhidos e tiveram a participação validada pelos gestores municipais até o dia 14 de janeiro. O resultado dos selecionados está disponível no site do Programa Mais Médicos. Os médicos ocuparam as vagas de mais da metade das cidades com oportunidades abertas (689) e de 11 Distritos Sanitários Especiais Indígenas (DSEI). Ao todo, a etapa contou com 2.549 vagas em 1.197 municípios e 34 distritos indígenas.

Criado em 2013, o Programa Mais Médicos ampliou à assistência na Atenção Básica fixando médicos nas regiões com carência de profissionais. O programa conta com 18.240 vagas em mais de 4 mil municípios e 34 DSEIs, levando assistência para cerca de 63 milhões de brasileiros.