O Instituto de Pesos e Medidas do Paraná (Ipem-PR) alerta pais e responsáveis para que fiquem atentos para a compra do material escolar. É fundamental observar se os produtos possuem o Selo de Identificação da Conformidade, que atesta que eles atendem requisitos de segurança previstos nos regulamentos do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia – Inmetro. O Selo de Identificação da Conformidade deve estar afixado na embalagem ou diretamente no produto.

“A presença do Selo do Inmetro nos artigos escolares tem o objetivo de evitar acidentes que possam colocar em risco a segurança de crianças. Além disso, deve constar a faixa etária ao qual se destina o produto”, explica o gerente de Fiscalização do IPEM-PR, Roberto Tamari.

O Inmetro, através da Portaria n°262 de 2012, determinou 25 produtos que devem seguir as normas estabelecidas neste regulamento, incluindo os itens importados. A justificativa é a presença de substâncias tóxicas de materiais que possam ser levados à boca ou com o risco de serem ingeridas e/ou inaladas, com bordas cortantes, ou a presença de pontas perigosas.

O Ipem-PR iniciou nesta segunda-feira (7) em todo o Estado, junto aos postos de revenda e fabricantes, a coleta de materiais escolares como cadernos, cola branca, giz, massas para moldear, corretivos líquidos, tintas guache, papel A-4 para testes nos laboratórios do Instituto em Curitiba, Londrina, Maringá, Cascavel e Guarapuava. Um dos objetivos é verificar questões formais desses produtos, a fim de garantir ao consumidor que está adquirindo exatamente aquilo que está pagando.
Economia
A época de compras do material escolar também é de atenção aos produtos e preços. Pensando nisso, Carla Oliveira, assistente de direção do Colégio Anglo 21, separou algumas dicas essenciais para não se gastar mais do que o necessário na hora das compras. (Veja abaixo).

Como economizar na compra do material escolar
Foque em materiais básicos e duráveis
- Não adianta comprar um produto exclusivamente porque seu preço está abaixo da média se ele durar apenas alguns dias

Fuja dos personagens
- Cuidado com as estampas que escolhe. Muitas vezes, aquele personagem preferido do seu filho pode nem passar mais pela cabeça dele daqui alguns meses

Converse com outros pais 
- Uma estratégia que vale muito a pena é conversar com outros pais, se organizarem e procurarem compras em conjunto

Aprenda a reaproveitar
- Antes de sair às compras, é importante conferir tudo o que sobrou do ano anterior

Faça uma lista específica antes de sair de casa, e não se afaste dela
- Ter uma lista e segui-la irá poupar dúvidas desnecessárias e gastos imprevistos

Pesquise 
- Nessa época, as lojas investem nesse setor e é possível encontrar diversas ofertas e promoções exclusivas. Entretanto, cuidado: nem todas valem a pena

Desapegue das marcas 
- Nada de escolher um produto mais caro apenas porque é de determinada marca. O foco aqui deve ser a qualidade dos produtos, não os logo e etiquetas que carregam