O Brasil é o campeão da Copa América de 2019. Na tarde deste domingo (7), o time do técnico Tite derrotou o Peru por 3 a 1, no Maracanã, na final da competição. Os gols foram de Everto, Gabriel Jesus e Richarlison. Com isso, o país pode comemorar a conquista dentro de casa.

Na campanha vitoriosa, o time fez 13 gols (melhor ataque) e levou apenas um – exatamente o gol peruano na final, marcado por Guerrero, de pênalti. Além disso, o Brasil teve um dos artilheiros da competição, o atacante Everton, com 3 gols – ao lado de Guerrero.

Foi a 9ª vez que o Brasil levou a Copa América. As outras conquistas ocorreram em 1919, 1922, 1949, 1989, 1997, 1999, 2004 e 2007. Também foi a quinta vez que o país sediou a competição. As outras foram 1919, 1922, 1949 e 1989, sempre com vitória brasileira.

Foi, também, o primeiro título do técnico Tite à frente da seleção. Ele havia disputado apenas a Copa do Mundo de 2018 – caiu nas quartas de final. Segundo o jornalista Juca Kfouri, o treinador poderia pedir demissão após a Copa América, mas uma eventual conquista tinha chances de fazê-lo mudar de ideia.

Para chegar ao título, o Brasil teve que superar a ausência do atacante Neymar. Ele já vivia um momento pessoal conturbado, com uma acusação de estupro contra si. Além disso, ele sofreu uma lesão no tornozelo em um amistoso antes da Copa América e teve que ser cortado. Primeiro, foi David Neres quem o substituiu na equipe. Everton ganhou a posição a partir da terceira rodada.